Mestre em Entomologia pela UFV ingressa no doutorado em Microbiologia na UFMG

ThairineMPereira

Após sete anos e meio integrando a equipe do Laboratório de Interações Inseto-Microorganismos da UFV, onde realizou estágio e também concluiu o mestrado em Entomologia, a estudante Thairine Mendes Pereira decidiu percorrer novos caminhos na sua trajetória acadêmica. Ela acaba de ingressar no doutorado em Microbiologia, na Universidade Federal de Minas Gerais (UFMG), onde vai “investigar aspectos do mecanismo de manipulação comportamental de artrópodes por fungos, com ênfase na história natural e benefícios para o fungo parasita”.

A mestre em Entomologia destaca: “Após concluir graduação e mestrado na UFV, eu queria expandir minha rede de contatos, me desafiar a trabalhar em uma nova instituição. Então, decidi migrar um pouco de área, passando da entomologia para a microbiologia. Como eu sempre trabalhei com fungos que eram patógenos de inseto na Entomologia, a mudança nem foi tão radical. Pesquisei sobre programas de microbiologia e escolhi o da UFMG, que é conceito Capes 7”.

Atuando atualmente no Laboratório de Biologia Molecular e Computacional de Fungos da UFMG, sob a orientação do professor Aristóteles Góes Neto, Thairine espera compreender como acontece o mecanismo de manipulação do comportamento de artrópodes por fungos. “Na nossa área de pesquisa existem muitos aspectos que ainda precisam ser investigados, principalmente em relação ao fungo. Espero poder firmar novas parcerias com pesquisadores de outros lugares que trabalham com objetivos semelhantes e pretendo levar um pouco dos resultados da nossa pesquisa para fora da universidade. Um dos objetivos que fiz questão de incluir no meu projeto é produzir material de divulgação com linguagem não acadêmica para mostrar o andamento e os resultados principais do nosso trabalho”.

  Formação

A doutoranda concluiu o curso de Ciências Biológicas na UFV em 2016, tendo cursado dois períodos na University of Sussex, no Reino Unido, entre junho/2014 e agosto/2015. Nessa ocasião, ela teve a oportunidade de estagiar por quatro meses no laboratório do professor William Hughes, que trabalha com evolução e ecologia hospedeiro-simbionte e comportamento animal. “O estágio na University of Sussex foi em um laboratório que trabalha com a mesma grande área que trabalhei no Brasil, durante o tempo que fiz estágio na Entomologia UFV. Isso foi muito importante para somar à minha experiência de pesquisa no Brasil. Após esse estágio, percebi que minha formação no Brasil tinha sido muito proveitosa. E isso me estimulou a seguir na pós-graduação após o meu retorno”.

Thairine ingressou no mestrado em Entomologia da UFV, sob a orientação do professor Simon Luke Elliot, onde defendeu em 2018, a dissertação “Insect-fungus symbiosis: diversity and potential ecological roles of the hypocrealean fungus Trichoderma in colonies of termites (Blattodea: Termitidae)”. Mas desde 2011, ela já era integrante da equipe do professor Simon, quando ainda estava no segundo período da graduação. “Tive a oportunidade de ser estagiária de duas pós-graduandas que impactaram muito positivamente minha formação. Fiz o meu trabalho de conclusão de curso (TCC) no Laboratório de Interações Inseto-Microorganismos e também o mestrado, que foi uma continuação do TCC. Eu permaneci ao todo 7,5 anos. Tive oportunidade de trabalhar diretamente com mais de uma equipe e com mais de um sistema de estudo”.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>